Quem sou eu

"Um Gaucho que tem o Rio Grande do Sul no coração e o Brasil no nome".

26 de out de 2010

Doenças

O jovem chinês que tem o corpo todo coberto de pelos devido à mutação genética, pode explicar a lenda do lobisomem.

Um rapaz chinês de 31 anos, conhecido como KK, pode ser considerado o equivalente do mundo real ao lobisomem. Portador de uma doença rara, chamada hipertricose congênita generalizada terminalis (HCGT), o jovem tem 96% do seu corpo coberto por pelos.Um estudo recente demonstrou que a origem da doença encontra-se em mutações genéticas localizadas no cromossomo 17.A HCGT é uma condição extremamente rara, com menos de 100 casos conhecidos em todo mundo. A doença é uma de muitas formas de hipertricose (excesso de pelos).Para encontrar a mutações responsáveis pela HCGT, pesquisadores liderados pelo geneticista Xue Zhang, escanearam o genoma de 16 pessoas afetadas pela doença e comparam com seus parentes sadios.Foram descobertos em torno de 900.000 nucleotídeos a mais no cromossomo 17 dos portadores de hipertricose. Nucleotídeos são os constituintes básicos do DNA, ou seja, são as unidades de informação genética que todo indivíduo carrega. Apesar de não se saber o exato mecanismo por trás da hipertricose, a pesquisa aponta para regulação de genes locais e a distância relacionados ao crescimento de pêlos.Lendas e mitos sobre lobisomens podem ter tido sua origem em pacientes com hipertricose, que no passado eram tratados como aberrações.
 Fonte:American Journal of Human Genetics. Março/2009
Bom! E o que falar do Tony Ramos? _Se faz de lobisomem pra pegar a Mariana Ximenes?

Nenhum comentário:

Postar um comentário