Quem sou eu

"Um Gaucho que tem o Rio Grande do Sul no coração e o Brasil no nome".

8 de nov de 2010

Gauchês

Abaixo algumas palavras usadas por nós gaúchos, que deixam os outros meio "encafifados".

Alemoa: loura
Atorá: cortar
Baita: grande
Bocó: bobo
Cagá a pau: bater
Camassada de pau: apanhar
Campiá: procurar
Chumaço: conjunto de alguma coisa
Cóça de laço: apanhar
Crêndios pai: exclamação quando algo dá errado
De revesgueio: de um tal jeito
Fincá: cravar
Garrão: calcanhar
Incebando: enrolando, fazendo cera
Ingrupi: enganar
Ínôzá: amarrar (já viu palavra com todas as sílabas com acento?)
Intertê: fazer passar o tempo com algo
Inticá: provocar
Invaretado: nervoso
Japona: jaqueta de lã ou nylon
Jóssa: coisa
Judiá: mal tratar
Kakedo: pessoas que não valem nada
Malinducado: mal educado
Paiêro: fumo de palha
Pânca: modo de se portar, por exemplo: panca de motoqueiro

(jeito de motoqueiro)
Pare, home do céu: parar, o mesmo que

'deusolivre home'.
Pestiado: com alguma doença
Pexada: acidente

Pinicá: beliscar
Podá: ultrapassar, ou cortar, o mesmo que apodá
Pozá: dormir em algum lugar
Rancho: compra do mês
Resbalão: escorregar
Sinalêra: semáforo
Táio: corte
Tchuco: bêbado
Trupicá: tropeçar
Tunda de laço: apanhar
Vortiada: passeio
Ximia: doce de passar no pão

Pão smirado - fatia de pão no qual se passou ximia

(Sem falar que não existe S no plural das palavras -

Ex: os boi, os animal, os guri) 

Nenhum comentário:

Postar um comentário